Quarta-feira, 7 de Março de 2007

A Fada Oriana

Algo insignificante,
Torna-se grande.
Algo escuro,
Torna-se claro.
Algo diferente,
Torna-se igual.

Tudo muda,
A toda a hora.

O tempo corre sem parar,
As coisas nunca estão no mesmo lugar.
O vento sopra contra o tempo,
A coragem é inimiga do desalento.

Nas histórias é sempre assim,
Tudo muda a qualquer momento.
Nada as faz parar,
A imaginação vai a qualquer lugar.

Na história de Oriana acontece o mesmo,
Embora nem sempre pareça acontecer.
Num instante tudo parece importante,
E noutro está tudo distante.

Defeitos a cada canto,
Cada pássaro com o seu canto.
Cada um com o seu problema,
E a fada com um dilema…
Serei bonita?

Num momento à magia no ar,
Enquanto no outro existem lágrimas a rolar.
As histórias são assim,
Se imaginarmos nunca têm fim.

No fundo tudo tem uma moral,
Mas isso só se vê no final.

Para lá chegar temos de ler,
E para ver temos de saber,
Aquilo que realmente queremos conhecer.

             

Fonte:

publicado por sonhosdesophia às 22:09
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De sonhador a 20 de Maio de 2007 às 20:09
OLÁ BOA TARDE!

Queria agradecer-te pela visitinha no meu blog!

Gostei tambem muito do teu...

Boa semana

sonhador

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30

.posts recentes

. Diz-me o que achaste...

. ...

. ...

. A Fada Oriana

. Dicas de Leitura

. Quem somos? Onde Estamos?

. O que pensam de Sophia

. Questionário a Sophia de ...

. Biografia

.arquivos

. Novembro 2007

. Junho 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

.Contagem

Counter Stats
garage designs
garage designs Counter
blogs SAPO

.subscrever feeds